Pedras e Pães - Aprendendo com Jesus





Um dia, disse Jesus aos discípulos: “Gostaria que carregassem uma pedra para mim.” Ele não deu qualquer explicação. Então, os discípulos procuraram pedras para carregar consigo; Pedro, prático como era, procurou pela menor pedra que pudesse encontrar. Afinal, Jesus não havia dito nada sobre tamanho e peso! Assim, colocou uma pedra no bolso. Jesus então disse: “Sigam-me.” E eles deram inicio a uma caminhada.

Por volta do meio dia, Jesus pediu que todos se sentassem. Fez um meneio com as mãos e todas as pedras se transformaram em pão. Então, disse: “É hora de comer.” Em poucos segundos a comida de Pedro havia acabado.

Terminada a refeição, Jesus pediu que todos se levantassem. Tornou a dizer: “Gostaria que carregassem uma pedra para mim”. Desta vez, Pedro pensou: “Aha! Agora entendo!” olhou em volta e viu um pequeno penedo. Suspendeu a pedra sobre os ombros, e era tão pesada que o deixou cambaleante. Mas pensava: “Mal posso esperar pelo jantar.” Então Jesus disse: “Sigam-me.” E eles deram inicio a outra caminhada, e Pedro mal conseguia acompanhar o grupo.

Por volta do horário do jantar, Jesus os conduziu para a margem de um rio. Disse: “Agora, quero que todos joguem as pedras na água.” E assim foi feito. Depois acrescentou: “sigam-me”, e começou a andar. Pedro e os outros olharam para ele, embasbacados. Jesus suspirou e disse: “Não se lembram do que eu pedi que fizessem? Por quem vocês carregaram as pedras?


Essa historia nos convida a refletir sobre o que esperamos receber em troca?
Pedro carregou a maior pedra, pensando somente em si, em saciar a fome.
Será q somos como Pedro
Buscamos a Deus somente para resolver nossos problemas

Se os discípulos tivesse transformado as pedras em pães, o fardo teria sido mais leve durante o percurso.
Eles carregaram a pedra porque estavam esperando que Jesus as transformasse em pães novamente para saciar a fome, eles estavam acomodados, Jesus já havia ensinado como agir.
Assim somos nós, muitas vezes  nos acomodamos diante de uma situação, esperamos  que Deus faça sem ao menos nós mover um dedo para ajudar
Não oramos o tanto que deveria, não buscamos o tanto que deveríamos, mas queremos no nosso pão ali prontinho.
Deus nos capacitou ele nos encheu de fé...
Transformemos nos em nome de Jesus mesmo nossas pedras em pães.

A paz !

Nenhum comentário:

Postar um comentário